Digital Twin: saiba como aplicar e principais benefícios

digital

O Digital twin é uma cópia digital e exata de um objeto ou sistema. Os “gêmeos digitais” permitem que os profissionais por trás do desenvolvimento de um ativo físico entendam como ele está performando e como irá performar no futuro.

Complexo, certo? Por isso que, apesar de ser uma tendência muito bem estabelecida, você precisa compreender detalhe por detalhe o que está por trás de um digital twin.

Desde que a transformação digital e o movimento da Indústria 4.0 tomou forma, a tecnologia dos gêmeos digitais ficou cada vez mais conhecida.

Mas afinal, o que significa digital twin e como ele pode impactar a indústria? Como funciona? Quais suas aplicações?

A gente quer guiar você por essas respostas, ajudando-o a entender completamente o assunto. Pronto para aprender tudo sobre digital twin?

Então siga a leitura do nosso guia definitivo!

Digital twin: o que é?

continue lendo: https://www.totvs.com/blog/inovacoes/digital-twin/#.YsIUqRxu0s4.link

A fazenda do futuro já está no Brasil

fazenda

Uma fazenda onde tudo é automatizado: máquinas com computadores de bordo preparam o solo, plantam, aplicam insumos, colhem e transportam a matéria-prima de forma conectada e sincronizada. Quando um trator enche, outro já está ali para substituí-lo. Se um equipamento supera o limite de velocidade, o operador é avisado imediatamente. Longe dali, gestores e equipes de monitoramento passam o dia acompanhando tudo o que acontece no campo em tempo real diretamente de uma central de comandos.

O cenário pode parecer avançado, mas já é realidade no mundo e no Brasil. Um dos principais exemplos dessas fazendas inteligentes são as usinas do grupo São Martinho, que contam com alta tecnologia integrando todos os seus processos agrícolas. Para continuar avançando, o grupo sucroenergético acabou de anunciar os primeiros testes com tecnologia 5G, que devem acontecer na safra 2021/2022.

A novidade promete melhorar ainda mais a produtividade e a eficiência da gigante, que hoje tem capacidade de moagem de 24 milhões de toneladas de cana-de-açúcar e um faturamento de R$ 3,7 bilhões. Para chegar a esse nível, a empresa apostou na transformação digital por meio de parcerias como a com a divisão de Agricultura da multinacional Hexagon, que oferece soluções digitais completas desde o planejamento para o cultivo até a colheita e o transporte de matéria-prima.

Com mais de 25 mil equipamentos em operação em 36 países, a empresa de tecnologia está envolvida nos processos de planejamento de cerca de 46% da produção global de cana-de-açúcar. A São Martinho não ficou de fora e adquiriu um conjunto de softwares, sensores e atuadores para monitorar e automatizar suas operações agrícolas, além de 1851 Computadores de Bordo desde 2018.

Um dos principais pontos da parceria foi a implementação do AgrOn Sala de Controle, que monitora, processa e resume informações das frotas e operações para o Comando de Operações Agrícolas (COA) das usinas. São dados de monitoramento e de telemetria registrados pelos computadores de bordo em tempo real por meio de sensores. É possível rastrear o trajeto da máquina, verificar a hora de início e término da atividade, a velocidade média do percurso, a realização de paradas e manobras, quanto que foi plantado ou colhido, como foi a aplicação de determinado pulverizador, e assim por diante.

As informações que vão para o COA podem ser continuamente comparadas com as metas planejadas e permitem que sejam feitas intervenções rápidas sempre que necessário. O resultado é a segurança de que as operações serão executadas conforme o previsto, de forma eficiente, sem perda de tempo e de recursos.

Waze do campo

Diariamente, a frota de máquinas agrícolas da São Martinho roda quase 90 mil quilômetros, o que equivale a cerca de duas voltas na terra. Para garantir o controle e a otimização dessa logística, o grupo desenvolveu uma espécie de “Waze” próprio, que também foi resultado de uma parceria com a divisão de Agricultura da Hexagon.

Terminais inteligentes veiculares (TIVs) foram instalados nos equipamentos agrícolas, permitindo que eles recebam informações em tempo real sobre as melhores rotas a serem seguidas por meio dos computadores de bordo.

Se o operador desvia do caminho ou infringe outro parâmetro estabelecido, os displays recebem alertas. O posicionamento do veículo, as distâncias percorridas e aquelas que ainda faltam percorrer: tudo é controlado diretamente pela Central de Operações Logísticas das usinas. A fazenda do futuro é, cada vez mais, a fazenda do presente.

Hexagon MI inicia trabalho de consultoria em Manufatura-Inteligente

politica

Muitos são os desafios pelos quais as industrias vem enfrentando nos últimos anos, a fim de manterem a competitividade. As pressões orçamentarias, somadas muitas vezes as dificuldades de investimentos em tecnologias de ponta, levam muitas empresas a diminuirem sua lucratividade, a patamares prejudiciais a saúde financeira a medio e longo prazos.

Neste sentido, o grupo Hexagon, vem mudando ao longo dos ultimos anos, seu perfil, para que dentro destes desafios, possa ser um parceiro de seus clientes, quanto a melhoria da produtividade e qualidade, fatores chaves para a tal competitividade, mantendo a saúde financeira em patamares sustentáveis.

Realizamos um trabalho juntamente com nossos Consultores tecnico-comerciais regionais, somados a Diretoria Técnica, Comercial e Presidencia, onde elegeremos alguns clientes, aos quais estaremos oferecendo um mapeamento de sua manufatura, engenharia e mesmo administração. A idéia é que com tal estudo, possamos entregar um mapa da sua situação atual da manufatura, engenharia, produtividade. meios e ferramentas, comparando com a media das demais empresas do segmento dentro e fora do Brasil, e também oportunidades de melhorias, sejam estas com investimentos pontuais ou mesmo algumas mehorias internas mais simples”, aponta o presidente da Hexaggon MI – Danilo Lapastini.

Esta consultoria não tem nenhum custo inicial envolvido, e caso sua empresa se interesse em saber mais, basta enviar um email para: crm.br@hexagon.com ou ligar para 1155256000 – CRM

 

 

Resumo de 20 pontos de uma análise de mais de 50 especialistas, do que está por vir para 2021. – The Economist

VirtualReality_658x400

1-Os humanos querem se socializar novamente, mas o trabalho remoto basicamente permanecerá o mesmo.  O modelo de trabalho misto não é realista, vamos simplesmente continuar a trabalhar online a partir de nossas casas cada vez mais adaptadas e com reuniões em lugares divertidos e diferentes todos os meses para socializar e conectar.  Vários espaços serão criados para grandes reuniões digitais com todas as soluções resolvidas.  Ninguém quer viver no trânsito ou naquele redemoinho de informações e voltar a trabalhar.

 

2-Escritórios fecham com uma porcentagem muito alta e esse modelo retrógrado é tomado por tecnologias disruptivas.  A cada dia teremos mais assistentes digitais para trabalhar de forma eficiente.  Essas grandes corporações serão sempre lembradas como os enormes mamutes de 1980-2020 em extinção.  As pessoas nem sempre trabalham assim e não trabalharão para sempre no mesmo esquema.

 

3-Os hotéis de trabalho desaparecem em pelo menos 50%.  Viagens, congressos ou reuniões de trabalho nunca voltam como eram, se puderem ser feitos online.  O turismo de trabalho praticamente desaparece.  As chamadas se tornam chamadas de vídeo.  Painéis internacionais em painéis online.  Os grandes congressos em sistemas tecnológicos.  Lançamento de novos produtos em formato digital e tecnologias inovadoras.  Congressos apoiados pela A.I.  Para receber experiências pessoais.

 

4-As casas tornam-se mais tecnológicas e adaptadas ao trabalho diário.  Muitas empresas se dedicarão a resolver as necessidades de trabalhar em casa.  A casa muda de local.  Hoje você pode morar fora de uma cidade grande, trabalhar da mesma forma e gerar o mesmo valor.  A localização física passa para um segundo mandato para empresas, mas para um primeiro mandato para trabalhadores.

 

5-A produtividade não depende mais de um chefe que te revê, agora é por meio de plataformas que te ajudam a medir resultados, KPIs e tempos eficientes.  A forma de contratação de pessoal é repensada.  Contratar os melhores do mundo hoje é mais fácil, barato e eficiente.  Não haverá diferença entre contratar pessoal local e estrangeiro.  Hoje somos todos globais.

 

6-Tudo o que é repetitivo torna-se virtual e em regime de assinatura.  De igrejas, arte, academias, cinemas, entretenimento.  Às vezes iremos para coisas físicas mas os números não darão para manter as infraestruturas físicas que tínhamos antes.  Poucos lugares podem manter alguns modelos abertos.  Em breve, serviços sofisticados de RV para uso doméstico.

 

7-Empresas que não investem assim

menos 10% em novas tecnologias irão desaparecer.  A tradicional empresa chegou ao fim em 2020. Resta esperar sua morte final.  Com recursos limitados, as empresas exigem mais certezas e melhores investimentos.  Uma empresa de tecnologia, fresca e nova hoje, pode substituir outra que tem feito o mesmo nos últimos 50 anos.  À medida que o modelo de “cozinha escura” cresceu, muitos serviços copiarão o modelo.

 

😯 turismo para entretenimento retorna plenamente fortalecido no segundo semestre de 2021, sempre acompanhado de muita tecnologia na sua operação, desde a compra, a operação e as experiências a serem recebidas.  As pessoas apreciam mais do que nunca visitar o natural mas com soluções altamente tecnológicas.  Locais mais remotos, experiências mais autênticas suportadas com assistência digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.  A interação é a base do entretenimento do futuro.  Faça parte, experimente algo autêntico e descubra informações de forma dinâmica.

 

9-O tratamento de dados pessoais torna-se mais delicado e as grandes plataformas vão mudar.  As pessoas voltam a pagar as assinaturas devido ao senso de transparência que isso envolve.  Eles preferem pagar a doar seus dados.  As grandes marcas hoje valem sua credibilidade.  Tudo pode ser copiado ou replicado, exceto prestígio.  O valor da empresa hoje depende de muitos fatores e não apenas de sua venda anual.

 

10-A força de trabalho é drasticamente reduzida e muitas operações simples são fornecidas ao I.A.  Em 2024, o I.A.  Ele já lidará com operações complicadas em milhões de locais.  Mas a adoção convencional começa em 2021. Uma grande temporada global de demissões está chegando.  O desemprego ocorre por motivos multifatoriais e não apenas por causa da crise econômica.

 

11-A educação nunca mais vai voltar a ser igual.  Torna-se cara a cara, mas tecnologicamente adaptável.  Cada um é o que precisa.  Estudar offline e online será normal.  Escolas e universidades são transformadas em um esquema híbrido para sempre.  Volta ao esquema de contratação de pessoal altamente capacitado para ocupar cargos importantes, mas são aceitos candidatos sem formação universitária, para cargos de menor importância, que tenham a experiência necessária.

 

12-O sistema médico adaptado ao digital com tecnologia remota para sempre.  Uma consulta médica por teleconferência será normal.  As pessoas continuarão com os testes rápidos de Covid ao longo de 2021 para se sentirem seguras.  A vacina é muito rápida, mas você encontrará grandes desafios ao longo do caminho.  Grandes hospitais repensam seu funcionamento devido às crises econômicas que sofreram com a Covid 19. As pessoas ficam menos doentes com vírus, bactérias e doenças devido ao manuseio inadequado dos alimentos, graças à limpeza recorrente do indivíduo comum.

 

13-Na economia pessoal se contrai, novas formas de gerar transações comerciais são utilizadas e as pessoas economizam mais.  Uma alta porcentagem dos gastos da família vai para atividades que antes não eram remuneradas e vice-versa.  A compra de itens como roupas elegantes é substituída por roupas casuais.  A transformação radical dos hábitos continua em 2021. A eletrônica continua sendo o produto mais apreciado e adquirido por mais um ano.

 

14-Commerce continua a crescer, mas online, jogadores como Facebook, Tik-Tok e YouTube entram para competir com a Amazon.  Fecha um percentual de 50% das lojas físicas globais.  As lojas sobrevivem graças ao fato de serem experiências e showrooms, mas o comércio real no final de 2024 será maior online do que presencial em muitas áreas.  Os grandes shoppings ficarão presos no tempo.  Muito poucos sobreviverão a longo prazo.

 

15-Mudanças climáticas serão um tópico muito discutido e apoiado.  As grandes indústrias continuarão a se transformar e a I.A.  para entendê-lo e operá-lo melhor.  A adoção da bicicleta como principal meio de transporte continuará crescendo graças à transformação das cidades.  Vamos passar da questão Covid para a Mudança Climática como a questão principal de uma forma natural.  Uma oportunidade para a união global ajudar a transformar e resolver os grandes problemas.

 

16-Novos modelos de informações e notícias por assinatura com mais transparência ajudarão a disponibilizar conteúdo sem tantas “notícias falsas” Credibilidade e transparência serão a pedra angular de todas as empresas.  As pessoas estão cansadas de tanta informação e preferem sistemas habilmente selecionados para interagir.  A imediação continuará a ser altamente valorizada.

 

17- A saúde mental torna-se um tema recorrente e grandes plataformas ajudam as pessoas a enfrentar as situações de agressividade, solidão e angústia que vivenciaram durante o isolamento.  Um dos grandes custos de 2020 é a complicação de trabalhar em equipe novamente.  Muito trabalhar, muito a repensar.  As crises de liderança nas empresas serão mais comuns a cada dia.

 

18-Os grandes problemas como educação, saúde, energia, segurança, política, destruição da classe média, ganham destaque e as soluções são desenvolvidas por empresas de tecnologia.  Grande capital é investido para fazer o bem, enquanto os problemas globais são resolvidos.  Empreendedorismo social no seu melhor com resultados financeiros muito substanciais.

 

19-Tudo vai para o natural e saudável.  Alimentos, experiências e forma de interação.  100% natural é hoje.  Produzir a própria comida, meditar e se exercitar, passa a fazer parte do dia a dia.  A permacultura e os sistemas de produção pessoal eficientes estão crescendo exponencialmente.  Todo mundo quer ser capaz de satisfazer suas necessidades pessoais de alimentação saudável.  Consumir local, mas real.  Ser mais saudável é o “novo luxo”.  Produtos suntuosos perdem valor e justificativa.  A reciclagem está voltando muito mais forte depois de um ano de desperdício incontrolável, agora com grandes tecnologias que realmente iniciam e resolvem os problemas gerados no passado.

 

20-O mundo está vendo este ano como um novo começo.  Um renascimento.  As pessoas vão repensar seus objetivos pessoais, de trabalho, saúde, dinheiro e espirituais.  Grandes oportunidades estão surgindo para satisfazer todos esses requisitos e mudanças de pensamento.  Um novo começo com valores mais reais.  Muitos comportamentos são transformados e nunca mais voltarão.  Acumular, consumir e viver pelo material vai para o lado negativo da conversa.

 

A inovação, a tecnologia, o pensamento natural e lateral são a base da nova realidade.  Continuar fazendo o mesmo sem repensar em 2021 é ir direto para a garganta.  Todos estão a tempo de encontrar novos caminhos.  As diretrizes estão definidas.  Você apenas tem que encontrar as novas rotas pessoais ou comerciais.

 

Fonte: The Economist

Como o coronavírus está transformando o comportamento humano – Por Bloomberg

Bloomberg
Atualizado em 15 de julho, às 10h EDT

O que você precisa saber

Após meio ano de uma pandemia que está longe de ser contida , há evidências crescentes de que mudanças duradouras de comportamento estão ocorrendo.

Um trauma geracional como este forçou todos – ricos, pobres, jovens e velhos – a reavaliar suas vidas, desde onde vivem até o que fazem. O mundo se transformou tão rapidamente, e com consequências econômicas e de saúde tão devastadoras, que as massas se sentem “desertas e abandonadas”, de acordo com Faith Popcorn, uma futurista que dirige a BrainReserve, uma empresa de previsão de tendências e marketing. “As pessoas serão radicalmente mudadas.”

Para muitos, a sobrevivência exigiu mudanças no atacado, como instrutores de fitness que mudaram de aula online ou fornecedores de restaurantes começando a entrega em domicílio . Enquanto isso, as casas agora são escolas, escritórios e muito mais. O aumento pré-coronavírus em estilos de vida saudáveis tornou-se um boom . A Covid-19 colocou os consumidores online mais rápido do que o esperado .

E quanto mais tempo dura, mais profundo é o impacto.

(Nota do editor: clique no botão “Follow This Storythread” para receber atualizações e role para baixo até a linha do tempo para examinar nossa cobertura.)

Pelos números

  • 270 bilhõesRedução potencial em milhas anuais dirigidas nos EUA
  • 355%Ganho de vendas do segundo trimestre da Zoom
  • 97%O crescimento das vendas online do Walmart nos EUA de maio a julho

Por que isso importa

Compreender até que ponto o vírus mudou a forma como compramos, vendemos e nos comunicamos é essencial para todas as empresas – desde a maior corporação até os autônomos.

Boom DIY: Cortes de cabelo, pedicures e máquinas de costura

Cumprindo ordens de ficar em casa para diminuir a propagação do vírus, as pessoas adotaram o “faça você mesmo” por necessidade (cortes de cabelo) e tédio (artes e ofícios estão crescendo). Mesmo que apenas uma pequena porcentagem desses comportamentos permaneça, isso significará uma mudança significativa para setores como cuidados pessoais, fabricantes e outros.

Tudo online: de casamentos com zoom à compra de carros

A vida de bloqueio forçou as pessoas a irem online para festas de aniversário e compras. E as empresas responderam aumentando as ofertas, o que atraiu ainda mais a web. Agora que estão confortáveis e percebem melhor os benefícios da Internet, como economizar tempo, é difícil ver as massas voltando ao comportamento anterior ao vírus. Mas já existem exemplos de alguns consumidores fazendo exatamente isso.

Confira materia completa em: https://www.bloomberg.com/news/storythreads/2020-05-13/how-covid-is-shifting-human-behavior-around-the-world?sref=Yg3sQEZ2&utm_medium=social&utm_source=twitter&utm_content=business&cmpid=socialflow-twitter-business&utm_campaign=socialflow-organic

 

Brasil mais. vale a pena acessar

infografico_home

O que é

O “Brasil Mais” é uma iniciativa do Governo Federal que visa aumentar a produtividade e competitividade das empresas brasileiras, com a promoção de melhorias rápidas, de baixo custo e alto impacto. O programa oferece às micro, pequenas e médias empresas soluções para melhorar a gestão, inovar processos e reduzir desperdícios.

Acesse e confira: https://brasilmais.economia.gov.br/sobre